• Home
  • Sobre o Blog
  • Fotos
  • Notícias
  • Contato
  • Cães cardíacos, como identificar


    Pedindo colo?
    Cansaço fácil dos cães é um dos sintomas de problemas no coração, fique atento
    Um a cada quatro cães com mais de sete anos tem algum tipo de doença cardíaca
    Um dos primeiros indicativos de que a saúde cardíaca do cãozinho não anda bem é o cansaço fácil. “Se o cachorro pede colo durante um passeio, na rota que já estava acostumado, ele pode sofrer de problemas cardíacos”, atenta o médico veterinário da Equilíbrio (Total Alimentos), Marcello Machado. Dificuldade para respirar, fadiga excessiva, tosse e rejeição a atividades físicas podem ser sinais de que o coração do cachorro não está conseguindo suprir adequadamente os tecidos, causando insuficiência cardíaca ou outras doenças do coração.
    De olho na alimentação
    Mudanças no estilo de vida e na alimentação são fundamentais para que um animal cardiopata tenha qualidade de vida “junto com prescrição dos médicos veterinários, o cão precisa de alimentos específicos para cardíacos, com esses procedimentos combinados garantirá a ele bem-estar e longevidade”, explica.
    A linha Super Premium da Total Alimentos possui um alimento coadjuvante no tratamento de cães com problemas cardíacos, Equilíbrio Veterinary Cardiac, que é rica em Taurina e L-carnitina, cujo auxiliam no funcionamento do músculo cardíaco, e possuem baixos teores de fósforo e sódio: “Os níveis dessas substâncias precisam ser controlados, pois o sódio pode gerar acúmulo de fluídos, e o fósforo em excesso pode gerar a sobrecarga dos rins e até uma doença renal, de tratamento muito mais complexo que uma doença cardíaca”.
    Comida caseira não é aconselhada. De acordo com o médico veterinário, é difícil conseguir o perfeito balanceamento e equilíbrio nutricional por meio da comida preparada em casa pelo tutor do animal.
    Sintomas:
    Dificuldade para respirar;
    Alteração da cor da língua;
    Rejeição a atividades físicas;
    Sono demasiado;
    Fadiga;
    Sede;
    Tosse.
    Diagnóstico
    O diagnóstico da doença cardíaca é realizado por meio de exames específicos: a bioquímica sérica (exame de sangue) e o ecodoppler cardiograma e deve ser realizado por um médico veterinário, de preferência, especialista em cardiologia.

    Pets sofrem mais com mudança brusca de temperatura

    Veterinária da Petz orienta sobre os cuidados com a friagem e como proteger os bichinhos de estimação

    Apesar de a temperatura dos pets ser mais alta que a nossa, variando de 37,8°C a 39,3°C, os cães têm sensação de frio bem semelhante aos humanos,  e tendem a sofrer mais com mudanças bruscas. Fatores como idade, condição corpórea, raça e tipo de pelagem podem influenciar esse quadro, e é preciso ter cuidados específicos nesta época do ano para mantê-los com bem-estar, explica a veterinária Priscila Zanotti, da Petz.
    Os sinais para identificar se os pets estão desconfortáveis com o clima são extremidades frias, tremedeiras, se o bichinho fica sempre encolhido ou procura lugares quentes para se abrigar. “Os cãezinhos de pelagem curta são os mais afetados, como pug, pinscher, buldogue francês, teckel, whippet e pit bull. Já raças como spitz, chow chow, golden retriever, shih tzu e lhasa apso têm pelagem longa e alguns, até subpelos, que protegem dessa sensação térmica e mantém o animal aquecido.”
    Resistente
    Por outro lado, o frio também traz benefícios, já que pets obesos ou de pelagem longas tendem a ficar mais à vontade em temperaturas mais baixas. Os obesos e de focinho achatados, como por exemplo o buldogue inglês, sofrem muito com temperaturas elevadas e, em épocas mais frias, eles não superaquecem, ficam mais ativos e até respiram melhor. Animais de pelagem longa, como shih tzu, também costumam ficar mais alegres e dispostos no inverno.
    “A pelagem longa e densa funciona como uma proteção natural, o que evita a perda de calor e ameniza a sensibilidade ao frio”, explica a veterinária. Mesmo alguns pets preferindo esse clima fresco, é primordial não abusar e ficar atento à friagem e aos desconfortos causados por ela. “O ideal é manter caminhas bem quentinhas, e usar mantas e roupinhas quando o pet estiver com a pelagem curta.”
    Atendimentos
    Nesta época do ano, uma média de 30% dos atendimentos de animais são por patologias relacionadas a baixas temperaturas. Por isso, é importante providenciar a vacinação preventiva para evitar tosse dos canis (gripe canina), que pode trazer complicações como bronquite e pneumonia.
    O tratamento para estes casos depende muito do estágio da doença. “Alguns animais precisam somente de xaropes, outros necessitam de prescrição de antibióticos e inalações e, em casos mais severos, a indicação é a internação para suporte monitorado 24 horas por dia”, afirma a veterinária da Petz.

    Cobasi começa a vender inalador específico para pets

    Aparelho está disponível no e-commerce da Cobasi

    A Cobasi inicia as vendas do Nebulizador Ultrassônico para Cães e Gatos, da marca Inalapet. É o primeiro inalador desenvolvido especificamente para animais.
    O produto é destinado ao uso em animais domésticos para o tratamento de problemas respiratórios em geral. O diferencial em comparação a outros inaladores é, que por ser desenvolvido para pets, é totalmente silencioso, o tempo de nebulização é menor e a máscara foi elaborada para maior conforto dos animais.
    O nebulizador também pode ser utilizado em gaiolas, casas e caixas de transporte, isto é importante, pois, caso o pet não se adeque ao uso da máscara, o tutor pode colocar o produto nesses locais. Para o correto funcionamento, é preciso cobrir as áreas abertas com uma toalha, deixando apenas uma abertura para o pet respirar.
    O produto está disponível no valor de R$ 296,90 no site www.cobasi.com.br e em algumas unidades nas cidades de São Paulo, Osasco e Cotia.
    Serviço:
    Nebulizador Ultrassônico para Cães e Gatos – InalapetR$ 296,90
    Onde encontrar:
    E-commerce
     – www.cobasi.com.br
    Cobasi Augusta – Rua Augusta, 2380, São Paulo – SP
    Cobasi Brooklin – Av. Washington Luis, 5103, São Paulo – SP
    Cobasi Butantã – Av. Professor Francisco Morato, 2385, São Paulo – SP
    Cobasi Granja Vianna – Rodovia Raposo Tavares, km 24,5, Cotia – SP
    Cobasi Imigrantes – Av. Professor Abraão de Morais, 1845, São Paulo – SP
    Cobasi Osasco – Av. dos Autonomistas, 1828, loja 12, Osasco – SP
    Cobasi Morumbi – Av. Giovanni Gronchi, 5411, São Paulo – SP
    Cobasi Ricardo Jafet – Av. Dr. Ricardo Jafet, 1429, São Paulo – SP
    Cobasi Villa Lobos – Rua Manuel Velasco, 90, São Paulo – SP